Seu titulo aqui.


A palavra amor advem do verbete latino amore, que pode ser literalmente traduzido por "afeição", "amor", "vivo desejo". Também é associado a palavras que representam “desejo”, “satisfação”, “conquista” e “libido”. O conceito de amor envolve, de modo geral, a formação de um vínculo emocional com alguém, ou algum objeto, que seja capaz de receber este comportamento amoroso e que seja capaz de alimentar as estimulações sensoriais e psicológicas necessárias para a manutenção da motivação deste amor. Ainda assim, a palavra amor possui diversos significados. É o tipo de amor que tem relação com o caráter da própria pessoa e a motiva a amar (no sentido de querer bem e agir em prol). Em grego há outras palavras, cada qual denotando o amor em um sentido específico.

Amar também tem o sentido de gostar muito, sendo assim possível amar qualquer ser vivo ou objeto. O amor pode ser expressado através de gestos, como o cafuné, por exemplo.

O amor do tipo eros é aquele amor romântico que uma pessoa sente por outra. É o amor que tem muito a ver com atração física. É esse tipo de amor que normalmente compele as pessoas a manter um relacionamento amoroso continuado. Nesse sentido também é sinônimo de relação sexual.

Como diz o nome, é o estilo de que prioriza o lado prático das coisas. O indivíduo avalia todas as possíveis implicações antes de embarcar num romance. Se o namoro aparente tiver futuro, ele investe. Se não, desiste. Cultiva uma lista de pré-requisitos para o parceiro ou a parceira ideal e pondera muito antes de se comprometer. Procura um bom pai ou uma boa mãe para os filhos e leva em conta o conforto material. Está sempre cheio de perguntas. O que será que a minha família vai achar? Se eu me casar, como estarei daqui a cinco anos?Como minha vida vai mudar se eu me casar? Amor interessado em fazer bem a si mesmo, Amor que espera algo em troca.

Em grego, significa altruísmo, generosidade. A dedicação ao outro vem sempre antes do próprio interesse. Quem pratica esse estilo de amor entrega-se totalmente à relação e não se importa em abrir mão de certas vontades para a satisfação do ser amado. Investe constantemente no relacionamento, mesmo sem ser correspondido. Sente-se bem quando o outro demonstra alegria. No limite, é capaz até mesmo de renunciar ao parceiro se acreditar que ele pode ser mais feliz com outra pessoa.

É o nome da divindade grega da amizade. Por isso, quem tende a ter esse estilo de amor valoriza a confiança mútua, o entrosamento e os projetos compartilhados. O romance começa de maneira tão gradual que os parceiros nem sabem dizer quando exatamente. A atração física não é o principal. Os namorados-amigos não tendem a ter relacionamentos calorosos, mas sim tranqüilos e afetuosos. Preferem cativar a seduzir. E, em geral, mantêm ligações bastante duradouras e estáveis. O que conta é a confiança mútua e os valores compartilhados. Os amantes do tipo storge revelam satisfação com a vida afetiva.

Mas claro que amor nao é só isso, só quem o conheçe sabe o que realmente significa na vida. Acho que serei mais profundo dessa vez e perguntar a você:

(obs: como amor é visto de varias maneiras, jeitos e sentimentos, você colocara o titulo que acha que esse texto deveria se chamar, e ele será seu.)

Voce acredita no amor?


Indicação de blog :: Paty [Maionese] / Um Pouco de Bossa


foto por Conchi Deza Alves / 1000 Imagens

6 comentários:

  1. Não sei kual seria meu titulo.. acho ki amor não depende dessas teorias permanentes.. aliás... acho ki eh algo muito inconstante... dificilcio comciliar o amor verdadeiro com o tempo...

    tipo... quando eu tinha uns 10 anos eu amava um garoto da minha sala ki eu mal converssava... mas eu acreditava ki era amor... depois amei meu primeiro namorado... entaum achei ki o ki eu sentia pelo garoto da minha sala não tinha sido amor, amor éra o ki eu sentia peo meu primeiro namorado...

    e assim vai... o tempo passa.. os amores passam também... acho dificil definir amor no passado.

    Pra mim, amor é algo permanente... não importa o ki acontece, nem o ki acontecerá.. amor eh sempre amor... não se tranforma.. não se esquesse, não se omite...

    Se a minha teoria do amor estiver certa... só vou saber quem é, ou kém são os amores da minha minha no ultimo dia ki eu viver...rs

    Mas gosto de pensar assim...rs porque se for amor, não vai passar, e saber ki o tempo não vai interfirir no ki eu sinto dá uma segurança muito grande.

    "teorias do amor" talvez seria meu titulo...rsrs

    ResponderExcluir
  2. Sinceramente, acredito que o amor seja o grande problema da humanidade, a ganância, o querer mais, tudo em troca de poder, para assim conseguir mais amor... Não o podemos evitar, é o tipo de coisa impossível de controlar, mas mesmo com tudo isso, é muito boa, sendo a graça da vida.

    ps: obrigado pela crítica sobre meu blog lá na comunidade no Orkut!

    ResponderExcluir
  3. Ah, acredito sim! :)
    Acredito no amor, no carinho, no respeito, acredito em almas gêmeas, acredito em amores para sempre, acredito em casamentos felizes!

    Acho que é o amor que motiva a gente para sermos pessoas melhores, para superarmos obstáculos...

    Adoro estar apaixonada, adoro ter alguém para cuidar! :)

    ResponderExcluir
  4. eu disse ki seu blog logo voltaria..rsrsrs

    bjoz

    ResponderExcluir
  5. Sim que eu acredito no Amor... mas por favor... ñ vulgarize o verbo AMAR!!! hehe... flw!!!

    ResponderExcluir
  6. Olá, acho que o amor e um concepto muito ambiguo e dificilmente definível, e muita coisa, mas não sabes quando començar nem quando acabar, nem se vai durar muito, só debemos aproveitar os bons momentos que ele proporciona-nos.
    Não imagino um mundo sem AMOR!!!!
    Um saudo e obrigada pela escolha ;)

    ResponderExcluir