...das antigas IV - O imperio das séries contra-ataca.



Demorou um pouco, foram pesquisas e pesquisas, e não deu infelizmente para colocar todos aqui, mas teremos mais posts pela frente, o mais importante agora é relembrar essas boas épocas, na qual ja eramos ligados em series internacionais tanto quanto agora.

AGENTE 86

"O velho truque do revólver escondido na caneta !!!!"Mais uma das incríveis frases desse agente secreto atrapalhado e sempre adorável. Maxwell Smart trabalhava para uma organização do governo americano chamada O Controle e tinha como codinome Agente 86. Sua eterna companheira, a Agente 99, cujo nome verdadeiro era Susan Hilton, acabou por se tornar sua esposa e tiveram um filho, que anos mais tarde, tomaria o lugar do pai numa nova série feita nos anos 90.O inimigo do Controle era um grupo de espionagem, de origem desconhecida, chamado KAOS e seu agente principal era SiegFried. O chefe do Controle era chamado freqüentemente de "Chefe" mas seu nome verdadeiro era Tadeus.A série foi ao ar entre 1965 a 1970, com um total de 138 episódios. No Brasil a série foi apresentada por diversos canais entre os anos 60 e os anos 80.
ALÉM DA IMAGINAÇÃO
"Há uma quinta dimensão além daquelas conhecidas pelo Homem. É uma dimensão tão vasta quanto o espaço e tão desprovida de tempo quanto o infinito. É o espaço intermediário entre a luz e a sombra, entre a ciência e a superstição; e se encontra entre o abismo dos temores do Homem e o cume dos seus conhecimentos. É a dimensão da fantasia. Uma região Além da Imaginação." Essa era a narrativa inicial de todos os episódios de Além da Imaginação, série criada por Rod Serling entre 1959 e 1964 em preto e branco, para o canal CBS nos EUA. No Brasil, a série começou a ser transmitida nos anos 60 e está no ar até hoje no canal de TV a cabo USA. Nos anos 60, havia uma ansiedade no ar, durante toda a semana, até a chegada do sábado, à espera de um novo episódio de Além da Imaginação. O público ficava maravilhado com aquele mundo paralelo, cheio de fantasia e absurdos com lógica e que poderia até passar por verdade na mente de algumas pessoas mais influenciáveis. Inicialmente os episódios tinham a duração de meia-hora, porém no início de 1963 o programa ganhou mais meia-hora. No entanto, chegou-se a conclusão que o formato original era melhor aceito pelo público. Além da Imaginação foi o maior sucesso de Rod Serling na TV e que o faz ser lembrado até hoje pelos enredos envolventes e a forma peculiar de tratar com o sobrenatural. Sem aberrações, sem efeitos especiais, apenas uma história bem contada e bem dirigida, nisso Serling era um mestre. Rod Serling morreu vítima de cancer por abusar do cigarro, em 1975, aos 51 anos. Entre suas obras estão Galeria do Terror, The Loner, entre muitos.
ALF O E-TEIMOSO
Alf é um extraterrestre do planeta Melmac e vai parar na terra devido a um defeito em sua espaçonave. Seu planeta havia explodido e Alf ficou perdido no espaço após a fuga. Ele faz uma aterrissagem forçada no quintal da família Tanner e acaba ficando por lá mesmo. Alf tem uma personalidade sarcástica, é irônico e adora comer gatos. Seu cérebro fica localizado no ouvido. Os vizinhos não sabem da existência de Alf no seio da família Tanner, mas ele não se constrange com isso e apronta a todo momento com a vizinhança e com os Tanners. William, o pai da família, é o que mais sofre com as agruras de Alf. Uma vez na vida os habitantes de Melmac entram no cio e ficam extremamente violentos. Quando aconteceu isso com Alf ele teve que ficar trancado em um quarto até a situação se acalmar. A série foi criada em 1986 e teve 4 temporadas, saindo do ar em 1988. Ela foi indicada para 12 prêmios Emmy mas nunca ganhou nenhum. No Brasil, a série foi transmitida inicialmente pela Rede Globo, nos anos 80 e pela Rede Bandeirantes, nos anos 90.
BANANA SPLITS
Esse foi um programa inovador, que deu início a uma série de programas, com bonecos e pessoas fantasiadas. Os Banana Splits surgiram em 1968 com um pouco de trapalhadas e muitos desenhos e séries. A maior parte do programa era de desenhos como: Os 3 Mosqueteiros, Os Cavaleiros da Arábia ou séries como Doutor Encolhedor ou A Ilha Misteriosa. O ritmo era frenético, bem ao estilo 3 Patetas. Os Bananas tinham inimigos, os Uvas Azedas, que nunca apareciam, mas sempre mandavam uma mensagem através de uma menininha dançarina, vestida com uma micro-saia púrpura. Os nomes dos Bananas eram Fleglee (o cachorro com língua de fora), Bingo (o dentuço), Drooper (o cachorro de óculos quadrado) e Snorky (o elefante).
BARNABY JONES
Uma das grandes séries com detetive no papel central já realizada. Barnaby Jones, teve 171 episódios com 60 minutos de duração, divididos em duas partes de 30 minutos cada, indo ao ar entre 1973 e 1980 nos EUA. No Brasil, a série foi ao ar pela TV Record, nos anos 70 e 80. Não foi gravado nenhum episódio piloto porque, na realidade, o personagem seria um codjuvante na série Cannon. Barnaby Jones acabou ganhando sua própria série. A série Cannon ficou no ar por 5 anos, mas Barnaby Jones ficou por 8 anos consecutivos. Barnaby era um policial com especialização em psicologia, química, medicina forense e toxicologia. Ele atuava na investigação de crimes aparentemente impossíveis de serem resolvidos. Sua inteligência e sagacidade o diferenciava dos demais detetives da época, só rivalizando com Columbo no quesito engenhosidade. Barnaby estava aposentado e vivia em uma fazenda chamada Sun Valley, onde pretendia aproveitar sua aposentadoria, junto aos seus cavalos de criação. Porém, algo mudaria sua vida e a decisão de avastar-se da rotina de policial. Seu filho, Hal Jones, foi assassinado e a polícia não conseguia solucionar o crime e decidira arquivar o caso. Barnaby Jones se viu obrigado a voltar à ativa novamente e descobrir quem matou seu filho. Para isso, ele recrutou sua nora e viúva de seu filho, Betty, que o auxiliou em sua nova agência de detetives.
BONANZA
Um clássico do bang-bang, Bonanza era a história da Família Cartwright, proprietária de uma fazenda chamada Ponderosa. A família era numerosa e tinha a ajuda de funcionários da fazenda em suas aventuras. Bonanza foi uma longa série que se iníciou nos anos 60 e só terminou em meados de 1972, dando origem há um "spin off" chamado O Homem de Virgínia.
NACIONAL KID
National Kid, um dos grandes sucessos do final dos anos 60 e início dos anos 70 no Brasil, era um super herói japonês que combatia os seres abissais e espaciais, em especial, os Incas Venusianos, seres com pontas na cabeça que tripulavam discos voadores. Havia também uma equipe de garotos que se comunica com National Kid e formava um esquadrão de combate aos extra-terrestres. Sem dúvida, uma das boas recordações dos anos 60. A série foi produzida pela Toei Company no Japão, no final dos anos 60 e distribuida no Brasil pela Sato Co. Ltd.A origem do nome do personagem vem da empresa National Co. do Japão, a mesma empresa que produzia TVs e aparelhos de som no Brasil até os anos 80 e que atualmente é chamada de
Panasonic.
CASAL 20
Criado pelo escritor Sidney Sheldon, com roteiro de Tom Mankiewicz, a série Casal 20 fez grande sucesso no mundo todo. Robert Wagner era o milionário Jonathan Hart, Stefanie Powers era sua esposa, jornalista, Jennifer Hart e Lionel Stander era o mordomo Max. A série estreou nos EUA em 25 de agosto de 1979. Após 5 temporadas e foi cancelada em 1984. A produção era de Aaron Spelling para o canal ABC.Em 1993 a série retornou com o primeiro longa-metragem de 2 horas de duração. Seriam rodados 8 filmes em 4 anos. A nova série chamou-se A Volta do Casal 20 (Hart to Hart - The New Generation). Infelizmente Lionel Stander, o Max, morreu após o quinto filme. No sexto filme os atores fizeram uma homenagem a Lionel Stander e Max, seu personagem, também morre no enredo.A série Casal 20 estreou no Brasil nos início dos anos 80 pela Rede Globo e como em todo país que foi apresentada, fez muito sucesso. Atualmente ela está sendo apresentada pelo Canal 21 em UHF de segunda à sexta-feira, às 18h. e aos sábados e domingos às 19h.


CHAVES

O que fez essa produção se transformar num sucesso absoluto entre as crianças e adultos? Resposta: Autenticidade. Chaves têm em seu conteúdo a expontâneidade infantil com sutilezas poucas vezes vistas na TV. Esqueça o cenário mal feito, a dublagem sem sincronização e todos os outros defeitos especiais. Veja Chaves pelos olhos de uma criança e você entenderá o porque do carisma desses mexicanos que criaram personagens tão mambembes quanto os nossos saudosos Trapalhões.

DURANGO KID

Em 1953, Wally Wassel interpretou um pistoleiro boa praça chamado Durango Kid em um filme chamado Law and Order. Em 1952, Charles Starret retomaria o personagem que já havia interpretado em 1940, no filme The Durango Kid. Essa nova empreitada na pele do cowboy, bem comportado, marcaria sua carreira para sempre. Durango Kid nunca foi um personagem para a TV. Na verdade, o personagem surgiu no cinema e alí cresceu e atingiu sua maturidade. Os episódios eram apresentados nos cinemas como uma espécie de novela. Haviam as sessões duplas aos domingos e a garotada corria para as salas de exibições para ver seus heróis lutarem contra vilões vestidos de preto. Na primeira sessão geralmente era apresentado um filme ou série já conhecido do público e em seguida a atração principal. Nasceu daí o termo filme B. Claro que o termo ficou ligado aos filmes de baixo orçamento e pouca qualidade, mas isso só viria a acontecer algum tempo depois. No início ambos os filmes apresentados tinham qualidade e atrativos para segurar a garotada nos assentos dos cinemas.

ESQUADRÃO CLASSE A

Em 1972, um grupo paramilitar americano foi mandado para a cadeia, por uma corte militar, acusados de crimes que não cometeram. Mas o que ninguém esperava é que eles conseguiriam fugir de uma prisão e máxima segurança. Agora, eles formam o Esquadrão Classe A e vivem no submundo de Los Angeles. Ainda caçados pelo governo americano, sobrevivem como soldados da fortuna, agindo em troca de dinheiro. Se você tiver um problema que ninguém pode solucionar, quem sabe conseguirá a ajuda dessa trupe. A série foi criada por Stephen J. Cannell, em 1983, e ficou no ar até 1987, nos EUA Um dos personagens mais engraçados era B.A., o personagem negro, com cabelo moicano e mal humor. Seu nome completo era Sargento Bosco Baracus. O apelido B.A. é a abreviatura de "Bad Attitude". A série foi apresentada no Brasil, nos anos 80, pelo SBT.

JORNADA NAS ESTRELAS

Uma das séries mais prestigiadas da TV mundial. Jornada nas Estrelas não teria a menor chance de virar uma série cult se não fosse o esforço de milhares de fãs que pressionaram nos anos 70, a produtora da série que insistia em encerrá-la prematuramente. Seu criador Gene Roddenberry começou a escrevê-la no sul do pacífico, onde estava servindo como piloto na segunda guerra mundial. Ele vendia histórias sobre vôos heróicos à revistas e ao New York Times. Roddenberry era um exímio contador de históriasEm 1966 foi feito filme piloto da série, mas não foi aprovado pela produtora. O episódio piloto era por demais sem ação e partiram para a gravação de um segundo episódio piloto que foi aceito dessa vez e a série estreou em 1966. Mas a série foi cancelada após a segunda temporada devido aos baixou índices de audiência. Os 79 episódios gravados nos anos 60 deram origem a um desenho animado que fez relativo sucesso e acendeu o interesse pela série original. A produtora da série era a Desilu, empresa pertencente a Lucily Ball e seu marido.

AS PANTERAS

Kelly, Jill e Sabrina, com a ajuda de Bosley e o inigmático Charlie Thousand, o chefão do belo trio, desvendavam mistérios na agência de detetive Thousand. A série teve 3 formações diferentes ao longo dos seus 5 anos de duração. Farah Fawcet (Jill Munroe) era a preferida do público na formação original do trio. Quando Farah saiu da série foi substituida por Cheryl Ladd (Kris Munroe) que fazia a personagem irmã da Jill, que havia se mudado para outra cidade. Esta formação fica no ar por mais duas temporadas. Em 1979 saí da série kate Jackson (Sabrina Duncan) e em seu lugar entra Shelley Hack (Tiffany Welles) que permanece apenas uma temporada, saindo logo em seguida e sendo substituida por Tanya Roberts. Da formação original a única atriz que ficou até o final foi Jacklyn Smith A série foi criada por Aaron Spelling e Leonard Goldsmith para a 20th Century Fox em 1976 e foi ao ar nos EUA até 1981, quando foi encerrada por falta de audiência. No total foram 109 episódios, todos transmitidos no Brasil.

Ufa bastante né?...Mas ainda tem muito mais, mas por enquanto me diga, de qual sente mais saudades, ou qual eu esqueci de colocar aqui... até a prox...

  • Qual te marcou mais?

HappyHour Ano-1 Ed.03

Hoje esta um dia bem chuvoso aqui em SP, mas mesmo assim nao desanimo, bom, desculpem por não estar sempre por aqui, bom nenhuma novidade ultimamente apenas acontecimentos extremamentes pessoais, desculpem.rs Mas sem grilo tudo o que eu passo estão nas entrelinhas dos textos bloguisticos. Mas sem mais blabla vamos ai HH do dia abraços.
A boa do dia - Nokia vai testar TV em celulares na Índia
da Folha Online com Reuters, em Helsinque

A Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, anunciou nesta quinta-feira que vai organizar um teste de transmissão de TV móvel em 2007 na Índia, com a TV estatal, Doordarshan. O teste usará os padrões da Nokia com tecnologia DVB-H (Digital Video Broadcasting-Handheld) de transmissão de vídeo digital sem fio.As fabricantes de celulares estão ansiosas para participar do mercado potencialmente lucrativo de celulares que recebem transmissão de televisão. A finlandesa Nokia, e muitas outras companhias européias, são a favor do uso de tecnologia européia DVB-H para transmissões de programações de TV em celulares no mundo todo. Outros sistemas concorrentes seriam os padrões coreano, DMB (Digital Multimedia Broadcasting), e o MediaFlo, da Qualcomm."Durante o teste, a Doordarshan verificará a qualidade da recepção da cobertura de transmissão e vai explorar a grande quantidade de opções de suporte de diferentes esquemas de serviço --como propaganda e serviços interativos", explica a Nokia.As operadoras de telefonia móvel esperam que os ganhos adicionais com serviços de TV móvel --que podem gerar de 5 a 10 euros de receita mensal com cada usuário-- compensem a queda do faturamento com a transmissão de voz.
---------------
Entre Amigos - O Garoto Entusiasmado
do Humortadela.

O garoto de quinze anos chega na farmácia e pede uma camisinha. O farmacêutico olha para o rapaz com olhar indignado.
— É que eu vou jantar na casa da minha namorada - justifica-se o garoto — e nunca se sabe... de repente, pode rolar um clima...
O farmacêutico entrega o preservativo para o rapaz, este paga e vai embora. Cinco minutos depois está de volta e pede outra camisinha.
— Lembrei-me que a prima da minha namorada também vai estar lá... e ela é muito bonita! Talvez ela se interesse por mim... acho melhor garantir!
O rapaz embolsa a segunda camisinha e vai embora. Logo depois está de volta.
— Sabe, moço! Eu estive pensando e acho que seria melhor eu levar mais uma. Eu ouvi que a mãe dela gosta de rapazes novos e quem sabe ela também se interesse por mim.
A noite, no jantar com a namorada, a família toda reunida à mesa, o rapaz permanece o tempo inteiro no mais absoluto silêncio. A certa altura, a menina cochicha para o rapaz:
— Puxa, querido! Você não falou uma palavra! Não sabia que você era tão tímido!
— E nem eu sabia que o seu pai era farmacêutico!
---------------
O blablabla o dia - Robin Williams critica postura de Bush sobre aquecimento global
do O Fuxico

Robin Williams criticou o Presidente americano George W. Bush, por se recusar a aceitar o fato de o aquecimento global ser uma realidade.O ator de Uma Babá Quase Perfeita ficou furioso por Bush não ter assinado o Tratado de Kyoto, se comprometendo a cortar as emissões de gases poluentes que contribuem para o aquecimento global, e acusa o líder americano de ser irresponsável.Falando aos jornalistas durante a pré-estréia de Happy Feet – O Pinguim onde dubla Rámon, Amoroso e Cletus, em Londres, no último domingo, Robin disse:“A Terra está aquecendo. Sei que nosso Presidente não concorda. Ele prefere fingir que trata-se de um filme de ficção.”
---------------
a boa noticia - EM DEZEMBRO CHEGA NOVO LIVRO DE ZIBIA GASPARETTO
Título: O AMANHÃ A DEUS PERTENCE
Autor: Zíbia Gasparetto - Ditado por Lucius
Editora: Vida e Consciência Número de páginas: 352 Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 29,00 ISBN: 85-7722-008-7
Data de publicação: 2006

O AMANHÃ A DEUS PERTENCE fala de um caso de amor sufocado pelo apego, que transcende a morte e só se liberta quando a inspiração divina desvenda a verdade. O livro fala de fatalidade, revolta e culpa, sentimentos que cercam as perdas trágicas. Destaca também como a informação e o discernimento abrem caminho para a verdadeira espiritualidade, que por sua vez revela, ilumina e liberta corações e mentes. A narrativa ágil aproxima o leitor dos personagens e seus dramas, assim como as reflexões apresentadas a cada capítulo instigam a busca pelas próprias revelações. Retratando os sentimentos na ficção, o romance ativa as emoções e gera identificação na vida real. Por tudo isso, "O amanhã a Deus pertence" se inscreve na linha das obras que despertam a descoberta da espiritualidade como fonte de harmonia e resposta a questionamentos existenciais. O equilíbrio entre espiritualidade e cultura contemporânea vem despertando o interesse de um número cada vez maior de pessoas. Livros como os de Zibia Gasparetto, filmes, novelas e seriados de TV fazem o sucesso do segmento e incentivam a conquista de novos leitores. Pesquisa recente revelou que 70% dos brasileiros com acesso à leitura acreditam na vida após a morte, assim como em todo o mundo cresce a procura pelos mistérios da alma.
  • Comentarios é só avisar, até a prox...

Entendas o que sente...


Tristeza, ou desgosto, é um sentimento humano que expressa desânimo ou frustração em relação a alguém ou algo. É o oposto da alegria. A tristeza pode causar reações físicas como depressão nervosa, choro, insônia.

A tristeza pode ser originada da perda de algo ou de alguém que se tinha de muito valor, esta emoção pode ser potencializada se aquele que sofre de tristeza passa a acreditar que poderia ter feito algo para recuperar ou evitar a perda, mesmo que este algo a fazer seja na prática impossível de se concretizar, e independe da vontade do triste.

É comum a tristeza ser descrita como algo amargo, ou como uma dor, ou como sentimento de incapacidade, ou ainda como algo escuro (trevas).
A tristeza pode ser a consequência de emoções como o egoismo, a insegurança, a baixa auto-estima, a inveja, a desilusão,... são emoções que quando não são tratadas logo podem terminar gerando tristeza, ou em casos extremos a depressão nervosa.
  • Diga o que sente.

Foto por ::: Adriana Oliveira / 1000 Imagens®

InteliCharge

- Não é Pollock, não. Mas os técnicos dizem que a falsificação é perfeita.

HappyHour Ano-1 Ed.02


A boa do dia - Zune da Microsoft será lançado nessa terça feira.

O tocador de MP3 Zune, da Microsoft, será lançado amanhã, nos Estados Unidos, ao preço de US$ 249,99. Segundo analistas, a Microsoft enfrentará um difícil desafio para derrubar o tocador digital iPod, líder de mercado da Apple. A desvantagem da gigante de softwares é de cinco anos em relação à fabricante do iPod.
Zune será lançado na próxima terça-feira. Em julho deste ano, a Microsoft já anunciava planos para comercializar, até o fim do ano, um tocador portátil de música digital para concorrer com o popular iPod.
Na época, a empresa divulgou, em comunicado, seu "novo projeto de música e de entretenimento", insinuando que o produto agregaria vídeos além de música digital. Em agosto deste ano, foi anunciado que a empresa japonesa Toshiba produziria o Zune.
Mantendo seu projeto inicial, o Zune incluirá um disco de 30 GB de memória, sintonizador FM, tela de 7,6 centímetros e conexão sem fio (wireless) --permitindo que usuários possam trocar fotos, músicas e discos inteiros com outros usuários apenas aproximando os aparelhos. O Zune estará disponível nas cores preta, marrom e branca.
Segundo especialistas, a conexão wireless é o principal item que pode garantir o sucesso do Zune.

--------------------

Entre amigos - Livro pra Ficar Rico.

Do Humortadela.

Numa livraria, o cliente pede ao balconista:

— Por favor, queria comprar aquele livro... O "Como Ficar Milionário da Noite Para o Dia", você tem?
— Claro, só um minutinho que eu vou buscá-lo. - responde o vendedor.
Ele volta com dois livros e começa a embrulhá-los para o cliente:

— Moço, é... Desculpe, mas eu só pedi um livro! - argumenta o cliente.
— Eu sei, o outro é o código penal. Vendemos sempre os dois juntos.

--------------------

O blablabla do dia - Ex-BBB dá continuidade ao trabalho como médico e causa confusão em hospital.

De O Fuxico.

O polêmico ex-Big Brother Brasil 5, Rogério (o Gê) voltou à exercer a profissão de médico, depois dos 15 minutos de fama que lhe proporcionou o reality show da Globo. Agora o Dr. Rogério, Clínico-Geral, que durante o programa disse que queria se especializar em cirurgia plástica estética, está atendendo a população de escassos recursos em um hospital público da zona norte de São Paulo, Hospital Geral de Vila Penteado. Gê - que na época de sua expulsão do BBB 5 foi rejeitado com recorde histórico, ao receber 92% dos votos (um total de 31 milhões) - não é rejeitado pelas jovens que são atendidas no local: 'elas já chegam pedindo para se consultar com o bonitão', disse uma atendente ao site. Comenta-se que muitas vezes acontece a maior confusão no local, pois, por conta das moças que querem ser atendidas por Dr. Rogério e devem passar por uma triagem, as pessoas mais necessitadas de atendimento de urgência e doentes de verdade ficam na espera.
--------------------

A Boa noticia - Brasil na lista dos ´10 mais´ do combate à mudança climática.

Os cálculos para composição do ranking foram feitos pelo grupo ambientalista Germanwatch, e levaram em conta níveis de emissão, tendências de emissão e políticas climáticas. Na Suécia, cerca de 25% da energia consumida, em 2003, vinha de fontes renováveis. Isso é mais de quatro vezes a média européia, de 6%. Abaixo, os 10 países mais bem posicionados e os 10 "lanterninhas" do ranking:
Top 10
1. Suécia
2. Reino Unido
3. Dinamarca
4. Malta
5. Alemanha
6. Argentina
7. Hungria
8. Brasil
9. Índia
10. Suíça
  • Até a proxima...

...um pouco de bossa.


A bossa nova é um movimento da música popular brasileira criado por João Gilberto, revelado em 1958 e popularizado internacionalmente em 1963, pelo seu proprio criador, assim como tambem por Antonio Carlos Jobim, Astrud Gilberto, Roberto Menescal e Stan Getz. No final da década de 1950 e início da década de 1960, surgiu no Rio de Janeiro um dos mais importantes movimentos da música popular do Brasil: a bossa nova.

Criada pelo violonista e cantor baiano João Gilberto, a bossa nova foi revelada em disco pela primeira vez através do 78 R.P.M. intitulado "Chega de Saudade" (1958), que foi, aliás, a primeira gravação "solo" de João Gilberto. Pouco após, o LP com o mesmo título foi lançado (1959), com enorme sucesso. Muitas das músicas contidas no LP, assim também como os arranjos, foram escritos por Antônio Carlos Jobim, que já era na época um compositor relativamente conhecido e admirado, e que tornou-se, dai em diante, extremamente famoso.
Tendo João Gilberto como "guru", a bossa nova adquiriu uma "seita" entre jovens músicos e fãs entusiastas (compostos principalmente de estudantes universitários). O Grupo Universitário Hebraico do Brasil promoveu vários espetáculos de bossa nova conduzidos em universidades, dos quais destaca-se o show em 1960 na Faculdade de Arquitetura do Rio de Janeiro, onde pela primeira vez apresentou-se ao público Nara Leão e Astrud Gilberto, que cantou um dueto da composição "Brigas Nunca Mais" (Antônio Carlos Jobim & Vinícius de Moraes) com o seu (então) marido, João Gilberto.
Vários críticos de música reconheceram na bossa nova uma influência do "Cool Jazz", fator apreciado por muitos, mas rejeitado por outros que criticaram a bossa nova por ela romper com raizes e tradições pré-estabelecidas da música brasileira. Com o passar dos anos, a bossa nova que no Brasil era inicialmente considerada música de "elite" (cultural), foi tornando-se cada vez mais popular com o público brasileiro, em geral.

Em 1963 foi o lançado o disco de Stan Getz e João Gilberto intitulado "Getz/Gilberto", considerado por críticos mundialmente como um disco musicalmente histórico. Popularizado pelo 78 R.P.M. "The Girl from Ipanema" (cantado por Astrud Gilberto), o album propalou o sucesso da bossa nova mundialmente.
A importância da bossa nova como um momento de transformação da música popular brasileira e mundial é gigantesca e óbvia, seja ela apresentada em seu conceito original, ou em forma de influências musicais sutís
  • Alguma preferência?

Foto por ::: Miguel Morais / 1000 Imagens®

HappyHour Ano-1 Ed.01


Seja bem vindo(a), ao novo horario do Juliu's Pub, aqui você ira relaxar com boas noticias, novidades e piadas que mais circulam na net todos os dias no fim de tarde agora no Happy Hour do Juliu's Pub.

A Boa do Dia - - Novo filme do Hanibbal Lector (Hanibbal - Rising).

Do CineClick

A MGM divulgou o novo pôster do filme Hannibal Rising que mostrará como foi a juventude do canibal Hannibal Lecter (Anthony Hopkins). Baseado no romance homônimo de Thomas Harris, a séria possui três filmes: O Silêncio dos Inocentes (1991), Hannibal (2001) e Dragão Vermelho (2002). A história mostrará o jovem Hannibal, dos 6 aos 20 anos, que passou sua infância na Lituânia, ao lado da irmã Mischa, e a adolescência na França. Foi nessa fase que o perturbado adolescente formou alguns aspectos psicológicos que o transformariam num sociopata com gostos refinados. Com direção de Peter Webber, Hannibal Rising traz Gaspard Ulliel (Eterno Amor) como o jovem canibal e será narrado pelo protagonista da trilogia, Anthony Hopkins (Encontro Marcado). A estréia está prevista para 9 de fevereiro de 2007, nos EUA.
--------------------

Entre Amigos - Aqui acontece a piada do dia seja ela boa ou ruim.

Do HumorTadela

Tudo começou quando a turma de Direito da faculdade resolveu transformaruma célebre frase em camiseta e ela virou moda no Campus. A turma fez a seguinte frase:"Seu namorado faz Direito? Vem cá que eu faço!"
Aí o pessoal de Medicina resolveu provocar:"Ele pode até fazer direito, mas ninguém conhece seu corpo melhor que eu."
O pessoal de Administração não deixou por menos:"Não adianta conhecer o corpo, fazer Direito se não souber Administrar o que tem!"
E a Turma de Agronomia mandou esta:"Uns conhecem bem, outros fazem direito, e alguns sabem administrar o que tem,mas plantar a mandioca como nós ninguém consegue!"
E não termina por aí!
Depois foi o pessoal de Publicidade:"De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar e plantar a mandioca se depois não puder contar pra todo mundo?"
Logo veio a turma da Engenharia participar também da brincadeira:"De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, e poder contar pra todo mundo, se não tiver energia e potência para fazer varias vezes?"
Mas a frase campeã foi realmente a da Economia:"De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, podercontar pra todo mundo, ter energia e potência para fazer várias vezes se mulher gosta mesmo é de dinheiro?"

--------------------

O Blablabla do dia - Thalia tem chip anti-seqüestro implantado no corpo.

do O Fuxico

Segundo o site mexicano La Botana a cantora Thalia já não corre risco de seqüestro, porque ela e sua família têm um chip anti-seqüestro implantado sob a pele. Em caso de seqüestro, em menos de três minutos a polícia americana saberá seu paradeiro.Quem revelou a informação foi a irmã da artista, a escritora Ernestina Sodi. Laura Zapata, irmã mais velha de Thalia e que continua alegando distanciamento de sua família, desde o seqüestro em 2002, assegurou que ela é a única que não tem o chip, porque não tem dinheiro para isso:"O máximo que eu tenho é batatinha chips", brincou a atriz.

--------------------

A Boa noticia - Prefeitura e FAB reformam monumento que homenageia Santos Dumont.

da FolhaOnline

A Prefeitura de São Paulo reinaugura neste domingo o monumento 14 Bis, na praça Campos de Bagatelle, na zona norte de São Paulo. A obra, uma réplica do 14 Bis, homenageia Santos Dumont.A reconstrução do monumento foi realizada pela Aeronáutica. A prefeitura realizou obras de revitalização na praça, como replantio da grama e a recomposição dos passeios internos, entre outras melhorias.Em maio, a obra foi depredada por vândalos, de acordo com a Prefeitura de São Paulo. O prefeito Gilberto Kassab (PFL) e o governador Cláudio Lembo, do mesmo partido, participaram da solenidade.

  • E ai curtiram esse novo estilo de happy hour?

Libertine

The Libertine (O Libertino, no Brasil) é um filme lançado em novembro de 2005 no Reino Unido e em março de 2006 nos Estados Unidos. Dirigido por Laurence Dunmore, é uma adaptação da peça homônima de Stephen Jeffrey. Conta a história de John Wilmot, o segundo Conde de Rochester, um notório boêmio e poeta libertino da corte de Charles II da Inglaterra.
John Wilmot, Segundo Conde de Rochester (Ditchley, 1 de abril de 1647 — 26 de julho de 1680), foi um libertino inglês, amigo do rei Carlos II e escritor de muita poesia satírica e obscena, características que o tornaram popular. No espiritismo, é mais conhecido como J. W. Rochester.
Foi uma célebre figura da corte da Restauração inglesa e patrono das artes. Apesar de ter casado-se com a herdeira Elizabeth Malet, possuiu muitas amantes, entre elas a atriz Elizabeth Barry. Foi muito divulgado que ele teria renunciado ao ateísmo em seu leito de morte.
Britânico, conhecia em profundidade o latim, o grego, o francês e o italiano. Aos 14 anos, no ano de 1661, recebeu o título de Master of Arts do Wadham College (Universidade de Oxford). Depois foi para a França e a Itália. Na Europa continental se tornou um intelectual carismático e prestigiado pela alta sociedade.
Poucos meses antes de completer 20 anos, em janeiro de 1667, contraiu matrimônio com Elizabeth Mallet, com quem teve quatro filhos. No mesmo ano teve uma filha com a atriz Elizabeth Barry. Sua vida, embora breve, teve passagens tumultuadas: combateu a Marinha holandesa, envolveu-se em homicídio, escândalos sexuais, alcoolismo, charlatanismo e exercício ilegal da medicina.
Na casa dos trinta, já com a saúde em franco declínio, dita suas memórias ao sacerdote Gilbert Burnet, onde registra seu remorso pela vida inócua e renuncia ao ateísmo. Suas poesias hoje são sucesso de crítica.

  • Assista o filme e de sua opinião.

Foto por ::: Carlos Manuel Pereira / 1000 Imagens®

Faça sua Doação.- Teleton 2006


O que é

Esta é a nona edição do “Teleton”. O evento será realizado nos dias 10 e 11 de novembro, com mais de 24 horas de programação.
Desta vez, a meta do SBT juntamente com a AACD, é superar a marca de R$ 16,2 milhões arrecadados em 2005. Além de conscientizar a população e estimular a ajuda ao próximo, o “Teleton 2006” promete divertir e entreter o público com inúmeras atrações.
Astros e estrelas, cantores e apresentadores da casa e de várias emissoras, como Raul Gil, Olga Bongiovani, Amaury Jr., Sônia Abrão, Ronnie Von, Isabel Filardis, Marcos Frota, Roberto Justus, entre outros, já confirmaram suas presenças. Eles serão recebidos por outros grandes comunicadores do SBT, como Silvio Santos, Hebe Camargo, Gugu, Adriane Galisteu, Celso Portioli, Regina Volpato, Carlos Alberto de Nóbrega, Ana Paula Padrão, Carlos Nascimento, Hermano Henning e Cris Poli.


História
O primeiro Teleton aconteceu no dia 16 de maio de 1998 no SBT (Sistema Brasileiro de Televisão), quando o apresentador Silvio Santos abriu a atração. E o SBT e o Brasil não são os únicos neste projeto. Após a estréia do Teleton no Chile, em 1978, muitos países adotaram a idéia, como Austrália, Canadá, Bélgica, Estados Unidos e Costa Rica.
Nos dias do Teleton, o SBT tem uma programação especial, com mais de 24 horas, totalmente dedicada ao projeto. Além de receber celebridades da música e do meio artístico em geral, o “Teleton” traz uma série de reportagens especiais, que mostram o trabalho espetacular feito pela AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente) em 56 anos de história.
A idéia é fazer com que um maior número de pessoas façam doações, via telefone, em prol da AACD, associação dedicada ao tratamento, atendimento, educação e reabilitação de crianças e adolescentes portadores de deficiência física, procurando reintegrá-los à sociedade.

Sobre censura...


Censura é o uso pelo estado ou grupo de poder, no sentido de controlar e impedir a liberdade de expressão. A censura criminaliza certas acções de comunicação, ou até a tentativa de exercer essa comunicação. No sentido moderno, a censura consiste em qualquer tentativa de suprimir informação, opiniões e até formas de expressão, como certas facetas da arte.
O propósito da censura está na manutenção do status quo, evitando alterações de pensamento num determinado grupo e a consequente vontade de mudança. Desta forma, a censura é muito comum entre certos grupos, como certas religiões, multi-nacionais e governos, como forma de manter o poder. A censura procura também evitar que certos conflitos e discussões se estabeleçam.
A censura pode ser explicita, no caso de estar prevista na lei, proibindo a informação de ser publicada ou acessível, após ter sido analisada previamente por uma entidade censora que avalia se a informação pode ou não ser publicada (como sucedeu na ditadura portuguesa através da PIDE) , ou pode tomar a forma de intimidação governamental ou popular, onde as pessoas têm receio de expressar ou mostrar apoio a certas opiniões, com medo de represálias pessoais e profissionais e até ostracismo, como sucedeu nos Estados Unidos da América com o chamado período do McCartismo .
Pode também a censura ser entendida como a supressão de certos pontos de vista e opiniões divergentes, através da propaganda, manipulação dos média ou contra-informação. Estes métodos tendem a influenciar e manipular a opinião pública de forma a evitar que outras ideias, que não as predominantes ou dominantes tenham receptividade.

Uma forma moderna de censura prende-se com o acesso aos meios de comunicação e também com as entidades reguladoras (que atribuem alvarás de rádio e televisão), ou com critérios editoriais discricionários (em que por exemplo um jornal não publica uma determinada notícia).

Muitas vezes a censura se justifica em termos de proteção do público, mas na verdade esconde uma posição que submete os artistas ao poder do estado e infantiliza o público, considerado como incapaz de pensar por si próprio.

Atualmente a censura pode ser contornada mais eficazmente, com o recurso à Internet, graças ao fácil acesso a dados sem fronteira geográficas e descentralizado e aos sistemas de partilha de ficheiros peer-to-peer, como a Freenet.

O uso cotidiano da censura promove um movimento de defesa bastante corrosivo que é a auto-censura, quando os produtores culturais e formadores de opinião evitam tratar de questões conflitivas e divergentes.
  • Qual a censura que mais marcou?

Foto por ::: André Coelho / 1000 Imagens®

"Acontecimento considerado até então fato, nos levam a crer que todo o ocorrido não existe no momento em questão."
  • Refletindo...

Foto por ::: Rui Bento Alves / 1000 Imagens®

Se ouvia falar.


"Saddam Hussein é condenado à morte por enforcamento pelo massacre de 148 civis da localidade xiita de Dujail em 1982." 05/11/2006

Forca é um instrumento usado para execução de presos ou réus condenados à morte, para assassinatos ou para suicídio. Compõe-se de um poste de madeira com uma corda amarrada em forma de laço; o executado era colocado de pé sobre uma mesa ou cadeira, alçapão ou veículo (ex. carroça), e o laço era posto em volta de seu pescoço. Era então removido aquilo que tivesse sob os pés.

Se a corda fosse longa e permitisse a queda do corpo, podia ocorrer uma ruptura das vértebras cervicais, e a secção da medula espinal provocava a paragem da função respiratória e, assim, uma morte rápida.

Caso as vértebras cervicais não se rompessem (normalmente por ser usada uma corda curta), o condenado morria por asfixia causada pelo laço, tanto por obstrução respiratória quanto pela obstrução das veias jugulares e artérias carótidas.

Muitas vezes esse método era visto como uma "Morte Suja", pois podia ocorrer libertação de fezes ou urina por perda de controlo sobre os esfincteres durante a morte. Essa tal "Morte Suja" ofendia a moral do condenado e até mesmo a de sua família.
Pois enfim, deixo registrado aqui que sou contra qualquer tipo de punição pela justiça que leva o réu a morte, seja qual foi o meio.
  • Em que ano estamos mesmo?

Foto por ::: Pisanello / 10.000 Meisterwerke der Malerei

Sombreando


Sombra, em psicologia analítica, refere-se ao arquétipo que é o nosso ego mais sombrio. É, por assim dizer, a parte animalesca da personalidade humana. Para Jung, esse arquétipo foi herdado das formas inferiores de vida através da longa evolução que levou ao ser humano. A sombra contém todas aquelas atividades e desejos que podem ser considerados imorais e violentos, aqueles que a sociedade, e até nós mesmos, não podemos aceitar. Ela nos leva a nos comportarmos de uma forma que normalmente não nos permitiríamos. E, quando isso ocorre, geralmente insistimos em afirmar que fomos acometidos por algo que estava além do nosso controle. Esse "algo" é a sombra, a parte primitiva da natureza do homem. Mas a sombra exerce também um outro papel, possui um aspecto positivo, uma vez que é responsável pela espontaneidade, pela criatividade, pelo insight e pela emoção profunda, características necessárias ao pleno desenvolvimento humano.
A sombra é freqüentemente projetada em outra pessoa, que aparece ao indivíduo como negativa.

Foto por::: Hugo Fernandes / 1000 Imagens®