Linhas

Passeando pelas hot lines dos jornais brasileiros em grandes portais, percebi que estamos decaindo um pouco na hora que chamarmos um leitor para tal matéria. Veja alguns exemplos abaixo:
- Lula tem razão, é difícil achar bons filmes na TV paga
Bom sinceramente em algo ele deveria ter razão, mas a única coisa que realmente me chamou a atenção nessa hot line foi o fato do Lula esta entendendo bem de zapear pela televisão. Pode ser só eu, mas, o presidente não teria que utilizar um tempo livre para "algo mais"...
- Picape com duas frentes causa frisson nos Estados Unidos
Ultimamente os americanos ficam em frisson em relação a qualquer coisa, alias, meu primeiro pensamento foi: " estilistas também tem opiniões fortes na industria automotora?"
Pois é queridos amigos, já estão achando provas do que já existia críticos na idade medieval, acho que se chegarem a achar algo sobre os dinossauros com certeza os críticos irão receber o devido respeito. Mas vale lembrar, que nem Arquimedes ficou livre de tais acontecimentos. [Julio Moraes simpatizando com Arquimedes, possivelmente escrevendo cartas a sua família dando os pessames pelo acontecido].
Bom, o que comentar a uma pessoas que obtém milhares de libras no bolsa, tempo livre, família de gerações respeitadas, pai famoso, irmão geek, fotos em tablóides toda semana, toda coleção de armani, boateng, vite perfils completos no orkut. . . Um minuto por favor, me senti um pouco vazio agora.
"Tudo vale no amor e na guerra", agora aparentemente também nos negócios. Vale lembrar que eu não gostaria de ver um futuro chefe meu nu, mas a pessoas para todos os gostos. Alias isso sim é causar frisson.
E mais uma vez vemos a eloquência de um jogador, esse pelo menos foi mais especifico em dizer que, não saberia o que dizer.
Eu selecionei para mostrar a você que certas coisas não mudam, eu acho que a primeira matéria sobre o assunto com uma personalidade se arrepende até hoje de existir, pois a utilizam since the 7o's. Ao ler contive minha ansiedade e soltei algo inexpressante, acho que foi algo parecido quando a mão do artista viu. Disse o seguinte: "Hum..."
Apesar da tentação, eu realmente não quero saber, obrigado e não exista.
--
Tolerância zero a alguns editores em jornalismo web. Alguém se habilita a mostrar mais alguns?

Nenhum comentário:

Postar um comentário