Envolva-se

Este post participa exclusivamente da Blogagem Colétiva do Dia Mundial do Meio Ambiente, mas até quando esta data irá existir?

A ignorância atual sobre o assunto não existe mais. Mas sim a falta de vontade em fazer algo a respeito. Serei pratico nesta blogagem, em vários links dos blogs participantes você verá dados e estatísticas e informações, LEIA TODOS, ENTENDA-OS. Vou deixar aqui mais informações que possam deixar claro o impacto que fazemos no mundo.

Primeiro link externo, convido você a fazer um teste para verificar a quantidade de recursos naturais que o planeta precisa lhe oferecer para sua sobrevivência. Este teste visa mostrar o nosso impacto ambiental individual, e com isto verificamos realmente como precisamos ajudar o planeta. Clique aqui e faça o teste.

Selecionei alguns videos na qual você deve já conhecer, mas deveria ao menos ver um deles. O primeiro, é um dos mais conhecidos, trailer do filme "Uma verdade incoveninente" o filem mostra os recentes e preocupantes eventos na natureza, perceptíveis a todos, como o furacão Katrina em New Orleans, têm, por trás, a degradação do meio ambiente feita pelo homem. Com a aceleração de atos destruidores por parte de grandes empresas e mesmo por indivíduos, ocorrida durante todo o século XX, uma bomba-relógio com efeitos devastadores foi montada. A fim de tentar alertar a população em geral a respeito dos riscos e da necessidade de se fazer algo a respeito, o político norte-americano Al Gore decidiu fazer um filme sobre o tema.

Uma Verdade Inconveniente mostra como e por quais motivos a emissão de substâncias poluentes e o mau uso dos recursos naturais têm impactado no aquecimento global e em demais problemas bastante atuais. Nos últimos minutos do filme, algumas recomendações sobre o que pode ser feito são mostradas, e servem como um guia imprescindível para a sobrevivência do mundo como o conhecemos hoje.

O segundo video faz parte de uma seleção da comunicações visuais da WWF em pró o meio ambiente, uma maneira diferente de dizer que tudo que fazemos ao nosso meio ambiente causa impacto a nós mesmos, mais cedo ou mais tarde. O objetivo da campanha é conscientizar a população quanto ao fato de que pequenas ações isoladas, tanto positivas como negativas, podem dar início a um efeito cascata de proporções planetárias. Criação de Rodolfo Sampaio, Julio Andery e Arício Fortes.

E para terminar, posto aqui um conteúdo exclusivo do blog Juliu's Pub que Gilberto Natalini, médico e líder da bancada do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo, concedeu sobre o meio ambiente ao blog.

Há cinco séculos, uma extensa área verde, lar de um rico e exuberante conjunto de fauna e flora, ocupava cerca de 1,3 milhão de quilômetros quadrados do território brasileiro. do Rio Grande do Norte ao Rio Grande do Sul, percorrendo ponta a ponta o litoral do país.

Hoje, depois de anos de devastação e exploração, restam míseros 5% de todo aquele belíssimo bioma. Estamos falando da Mata Atlântica, a segunda maior floresta tropical brasileira, depois da igualmente ameaçada Floresta Amazônica. Algumas manchas remanescentes da vegetação original ainda são notáveis no sudeste – na Serra da Mantiqueira e na Serra do Mar. A primeira está a 90 quilômetros da capital paulista, enquanto a segunda corta a região metropolitana de São Paulo, constituindo um verdadeiro tesouro verde em meio à selva de concreto paulistana.

Em contrapartida, uma desastrosa ironia: a cidade de São Paulo sofre com o estágio crítico e avançado da poluição. A situação é tão triste quanto urgente: segundo estudos divulgados recentemente, 63 mil pessoas morreram na Grande São Paulo, de 1997 a 2000, vítimas de doenças cardiovasculares e pulmonares, em decorrência da poluição. No ano 2000, foram emitidas 670 mil toneladas de monóxido de carbono – os maiores culpados são os automóveis responsáveis por 97% dessa emissão.

Recorro a todos esses dados alarmantes porque hoje quinta-feira, 5 de junho, é o Dia Mundial do Meio Ambiente e da Ecologia, instituído pela ONU em 1972 (note-se que a causa ambiental é preocupação mundial de longa data). Como vereador, este dia para mim é muito emblemático, uma vez que tenho empenhado uma batalha constante a favor do meio ambiente, em nível municipal.

Diversos são os frutos dessa minha preocupação, dos quais vale citar projetos de lei que versam sobre o plantio de árvores e estacionamentos e sobre a reutilização de água e óleo de cozinha, resíduos das podas de árvores e entulhos como matéria-prima para a produção de itens muito úteis ao dia-a-dia, como sabão e cosméticos (no caso do óleo), adubo e “lenha ecológica” (para galhos e folhas retirados de árvores) e tijolos ecológicos (para o entulho).

Por acreditar que também são importantes o debate e a conscientização que tenham o meio ambiente como pauta, promovo, há sete anos, a Conferência Produção Mais Limpa, que, no fim de maio, abordou a questão do etanol no contexto paulistano.

De fato, o meio ambiente deve ser lembrado – bem como cuidado e respeitado – todos os dias do ano. Porém, aproveite a semana deste 5 de junho para repensar sua postura em relação ao meio ambiente: enquanto estiver na rua, guarde com você a embalagem do chocolate e a lata do refrigerante até que encontre lixeiras adequadas para a reciclagem; esqueça a mangueira e use a vassoura para limpar a calçada; deixe o carro na garagem e vá andando até a padaria parar comprar o pãozinho; plante uma muda no quintal ou no jardim (vale até pezinho de feijão).

E por que não adotar esses mesmos costumes em todos os outros dias do ano? São pequenas coisas que podem fazer muito pelo meio ambiente. Faça sua parte nessa luta!

Faça sua parte

Denise Rangel - Todo dia é dia do Meio Ambiente
Ricardo Penachi - Blogagem coletiva: Meio Ambiente
Luma - Dia Mundial do Meio Ambiente e dia da Ecologia
Rodrigo - Dia Mundial do Meio Ambiente
Carlos Pereira - O Que Você Está Esperando?
Maria Augusta - Bleu, Blanc, Rouge...et Vert?
Georgia - Meio Ambiente
The Best - Dia Mundial do Meio Ambiente
Sarah K - Dia Mundial do Meio Ambiente
Denise BC - Dia Mundial do Meio Ambiente
Rosane Wolff de Souza - Dia Mundial do Meio Ambiente e Ecologia
Marcos Santos - Dia Mundial do Meio Ambiente em Fotos
Rosa - Meio ambiente - desertificação
Ana Cláudia Bessa - De quem é a culpa? Do Legislativo, do Executivo ou nossa?
Allan Robert - O Meio Ambiente Italiano
André Delacerda - O Rio e o Aquecimento Global: o Protocolo Rio
Lucia Malla - O valor do ambiente
Ana Paula - Pedalando para o trabalho
Ricardo Ribeiro - Um cidadão planetário em tempo real
Pri Guti - Dia do Meio Ambiente - criar para preservar!
Mel - Blogagem coletiva: dia mundial do Meio Ambiente
Renata Bonasio - O que devemos comemorar no Dia Mundial do Meio Ambiente?
Luiz Ramos - Recordar é preservar o Meio Ambiente
Planeta Sustentável - Dia Mundial do Meio Ambiente
Miriam Salles - Dia Mundial do Meio Ambiente
Julio Moraes - Envolva-se
Felipe (Projeto Jogo Limpo) - Preserve o meio ambiente urbano
Marisa Lopes - Dia do Meio Ambiente
Anny - Todo dia é dia de cuidar do meio ambiente...
Leonor Cordeiro - Dia mundial do meio ambiente!
Luz - Dia Mundial do Meio Ambiente
Lu Monte - 5 razões para não usar sacolas plásticas
Luciana Soldi - Dia Mundial do Meio Ambiente
Prendadas - Dia Mundial do Meio Ambiente
Lucia Freitas - Preserve o meio ambiente: seja diferente
Alline - Dia Mundial do Meio Ambiente
Bruno Pedasani - Lixo? A m**da volta pra você
Thiago Torquato - O que a TI pode fazer para colaborar com a sustentabilidade?
Mirian Martins - Gente sem saúde no dia mundial do Meio Ambiente
Afonso - Lili fez a sua parte na blogagem coletiva do Meio Ambiente
Felipe Rocha - Créditos de carbono: o que são, para que servem e como funcionam
Sonia Horn - Dia Mundial do Meio Ambiente
Roseli - 5 de junho: Dia Mundial do Meio Ambiente

2 comentários:

  1. Como vai, Júlio?
    Acho que a iniciativa da blogagem só acrescenta em informações, e isso é muito bom. E depois de tanta teoria, vamos à prática!
    Bjs, Mel

    ResponderExcluir
  2. Participei, indiretamente, sem nem saber.. =)

    Uma coisa mto triste oq aconteceu/acontece com a Mata Atlantica, mas fomos nós (brasileiros) q permitimos tamanha devastação!
    Vamos pelo menos aprender com os erros e meter a 'mão na massa' para proteger a Amazônia!
    Se continuarmos inertes e deixando a responsabilidade somente para os políticos brasileiros - essa corja de ladrões, corruptos, criminosos, sem ética, moral ou vergonha (a imensa maioria, pelo menos)- estaremos fudidos!!
    .
    A degradação lá vai acabar ainda mais rápido do q foi o processo de destruição da Mata Atlant.
    .
    Se a ONU decidir que o Governo brasileiro não cuida das populações indígenas q ali habitam, ela tem autoridade de criar uma Nação Indígena - um país dentro de outro (semelhante ao Vaticano).
    Resultado: diminuição da fronteira /país. O Brasil não terá mais soberania em nada naquele território e qualquer país poderá entrar e explorar (e de quebra, ainda vão matar os índios alegando estar protegendo-os)

    ixi..
    escrevi demais.. sorry
    []'s
    GR

    http://d--mentes.blogspot.com/

    ResponderExcluir