The Corp [Diário, 01.09]

Olá, deve estar estranhando o porquê estou por aqui. Bom, eu sou A Corporação. Tudo bem? Sei que está eu te faço sentir bem a maior parte do tempo, não é?

Passamos tanto tempo juntos, resolvi participar deste meio de comunicação interessante que são os blogs. Bom, na verdade eu já indiquei a vários outros companheiros a usarem a internet para seus próprios bens. E olha só, não é que deu certo! Alguns de vocês talvez não me reconheçam ainda, mas te garanto que grandes blogueiros me apóiam sempre que preciso.

Mas deixemos isto de lado por enquanto, quero dizer exatamente o que estou fazendo aqui. Apenas me apresentar no momento, poxa eu mereço um diário também. Quero contar a vocês, o quanto me deixa mais rico, mais triunfante, mais presente em seu dia a dia e em suas vontades. Hey, nada de falar que sou insensível. Sou uma pessoa Jurídica, aqueles que bem me estudam e tentam mostrar meus verdadeiros laudos ao planeta sabem o que isto quer dizer, não tenho compaixão, não sou humilde, não tenho obrigações com nada (alias, obrigado as leis norte-americanas com seus ótimos "jeitinhos"). Ah sim, existe lei para eu proteger apenas meus interesses, sim é lei. Você é contra é lei? Eu conheço você, e já somos amigos. Por isto estou aqui dizendo a verdade (tah, meias verdade, porque sabes o quanto é difícil fazer meus acionistas divulgarem minha real face).

Mas vamos ao que interessa, o teste de afinidade. Adoro isto, sabe que os testes de afinidades foram criados a meu pedido por professores universitários, para mostrar à você como eu posso melhorar sua vida? Legal, né. Funciona que é uma beleza. O teste que farei aqui é fácil, não vou utilizar das palavras dos graduados que garantem minha segurança (estou falando de advogados mesmo), mas somente te mostrar que eu não vivo sem você, e você nada é sem eu (me certifico disto a cada segundo ;) ).

Primeiro me apresento. Observação, agradecimentos sempre a minha querida companheira Wiki Corp. ( ops, org, desculpe quase de delatei hehe) Esta corporação que usa você amigo leitor internauta para angariar fundo e informações para outras pessoas, é... Pelo menos a parte das informações eles distribuem, vai:

Corporação (do latim corporis e actio, corpo e ação), é um grupo de pessoas que agem como se fossem um só corpo, uma só pessoa, buscando a consecução de objetivos em comum. Num sentido amplo é um grupo de pessoas submetidas às mesmas regras ou estatutos, e neste sentido é sinônimo de agremiação, associação ou ainda empresa. Num sentido mais estrito é uma pessoa jurídica (diferente de pessoa física) que possui direitos similares a uma pessoa física, mas sem se confundir com a natureza desta última.

Sabe que antigamente, nós tínhamos dificuldade de mantém relações com o governo e manter lucros fáceis, já que tínhamos que estar transparentes ao governo. É, complicado não? Sabe que não éramos conhecidos como pessoa jurídica? Precisávamos urgente de mais poder de decisão para conseguir evoluir, mas graças a alguns amigos advogados tivemos uma idéia... Conseguimos virar o jogo graças á emenda. A 14a Emenda americana. Ésta que daria a partir da assinatura, direitos iguais aos negros. Ela citada é assim: "Nenhum estado, pode tirar de qualquer pessoa a vida, a liberdade ou a propriedade sem um processo jurídico adequado", a intenção era de que os todos fossem iguais perante a lei. Mas ai que nossos advogados pensaram "Poxa nossa corporação é uma pessoa, e vamos provar isto". Tah, não queríamos ser julgados como empresas e ter imposições, então queriamos o mesmo direito das pessoas.


Sabe que por que somos pessoas especiais, não tenho moral ( Mas pelo fato de não conhecer isto, sou um objeto, lembra-se? ), minha meta é sempre agradar os acionistas. Mas sei que você sempre vai me considerar seu amigo do dia a dia.

Sabe que li outro dia uma citação: "Eles não [a corporação] tem alma a salvar, e nem corpo a ser preso". E não é que ele esta correto?!

Bom vamos às perguntas, veja que me conhecem bem e sei que conhece. :D

Sabia que apesar de não ser uma pessoa viva, você me considera seu melhor amigo?

Sabia que posso usar de varias artimanhas para fazer você me comprar mais e mais?

Sabia que posso acabar com sua auto-estima, só para você me comprar depois para se sentir melhor?

Também posso distorcer e mentir descaradamente sobre meus produtos, só pra você se sentir bem comprando eles?

Sabia que não tenho o menor remorso de deixar os rastros da minha empresa para outros cuidarem?

Ah, gosto de ameaçar para não publicarem a verdade sobre alguns produtos. Mas poxa, trabalhei tanto para criá-lo e você compra todos os dias, estamos bem vivendo assim, não é?

Sabe que evolui tanto em 150 anos, que hoje Você compra minha marca? Sem precisar, usar, sem utilidade pra sua vida. Só a marcar! Isto que acho o Maximo.

Sabia que muitos de meus outros amigos "Corps", estão patenteando organismos vivos há anos? E logo poderemos ser donos de seu futuro? Já que poderemos patentear o genoma único de humano. :D

Ah sim, sabe que sou dono da música "Happy Birthday to you...", e você tem que me pagar 10 mil dólares se quiser usá-la? :)


Bom, alguns acreditam que eu sou o rumo à extinção humana, já que não salvo florestas e minha opinião sobre as coisas do mundo é que tudo deveria ter um dono. Seria mais facil de comprar a vida, do que ficar pagando advogados. Adoraria comprar alguns cúbicos de ar de alguém pra poder soltar meus poluentes, acredite é mais fácil.

Mas enfim, este sou eu. Uma visão geral claro. Ao passar dos dias entrarei neste blog para falar um pouco do meu dia a dia.

Bom, continuaremos amigos, isto eu sei, a esta altura poderão saber qualquer coisa sobre mim que não deixaram de comprar as lindas coisas que faço pra vocês usarem, vestirem, comerem...

Ah sim estou planejando um novo telefone da maçazinha tah, só não me pergunte onde faço, o importante é você se sentir bem com meu produto ( momentaneamente pelo menos ).

Bom vou ficando por aqui. Mas você tem as respostas da trivia? Então comenta ai.

Abs.

Tem preguiça de ler? Sem problemas, eu te entendo, acredite. E muito

Poderá assistir um pouco sobre o que sou aqui e como nasci aqui.


Até a próxima.

5 comentários:

  1. Belo post Julio.

    O livro e o documentário são excelentes, assim como livro No Logo, da Naomi Klein.
    Infelizmente, ter consciência da corporação é como ter consciência da Matrix.

    ResponderExcluir
  2. Julio, não entendi nada, rsrsrs.
    Beijoccas

    ResponderExcluir
  3. Julio, o mais estranho é ver corporações centenárias implorando dinheiro público, como as americanas dos automóveis e por aí vai...
    Será que vamos acabar na grande corporação estatal, tipo Big Brother ?

    ResponderExcluir
  4. Pô, Julio.
    Entendi um pouco e fiquei com medo. Meda, meda...
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. Olá, tenho um blog de promoções, sorteios, concursos e amostras, dá uma olhadinha.
    http://bahtrilegaltche.blogspot.com

    Bjs

    ResponderExcluir