"Eu vi um herói do século XX", por Arnaldo Jabor

Há muito tempo eu não parava para ouvir um ser humano que realmente pudesse contar uma história com um ponto de vista claro.

No começo, ele pode parecer contar um pouco de vantagem - pudera, o moço tem a bagagem para tal -, ok, eu queria estar lá no lançamento do Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band... Mas, deixando de lado os conflitos ( :D ), veja se sente o mesmo que senti no final deste áudio.




"Eu, em 1967, vi o que seria o nosso futuro que a estupidez do mundo estragou."

Abs,


Não consegue ouvir? Nota: Infelizmente o sistema da Globo Rádios ainda trabalha somente com WMA. Para ouvir você precisará utilizar o seu Internet Explorer, ou tenha (instale) em seu navegador o Windows Media Player instalado. Plugin para Firefox, aqui e para o Chrome, aqui.

Trolls, Regras e Promoções [update]

Tudo começa com uma ideia e logo após, a iniciativa... E no final de tudo você acha que está fazendo uma coisa bacana, algo que faça uma pequena diferença na vida de alguém, um momento único para levar por toda vida.

E infelizmente nunca é assim.

No último dia 15 de Novembro eu estava no momento de sorteio da Promoção do Paul McCartney, selecionando os participantes de comentários e blogs e preparando para sortear os participantes do Twitter via Sorteie.me.

O que aconteceu?

Ser contra gay, é ser homofóbico?

Um debate bem pertinente. 

Você que não concorda com o estilo de vida gay, mas repudia qualquer tipo de violência contra o ser humano, respeitando o espaço, pode ser considerado um homofóbico?

Hoje, o Rev. Dr. Augustus Nicodemus Gomes Lopes, Chanceler da Universidade Presbiteriana Mackenzie, fez uma carta aberta com o debate citado no titulo deste post, claro que de momento nos espantamos com a carta, mas bem citou o Henrique Barudi via Facebook quando tuitei: Universidade Presbiteriana Mackenzie quer ter o direito de ser homofóbica. A opinião do Henrique foi: "Não é bem por aí, mas quase."

Me fez pensar... e percebi a pertinência.

Por que não é bem por ai? Simples. A democracia se consiste em livre pensamento. Repudiamos qualquer pessoa que vá de contra esta democracia, porém, como toda espada bem forjada, existem os dois lados... Aceitamos que alguém seja abertamente contra a comunidade GLBTS, sem ser considerado homofóbico? É um caso para debater, já que bem citado abaixo, todos nós somos contra a violência. Mas é justo colocar na lei que não se pode pensar da maneira versa a situação?

Deixo o espaço aberto, leia a seguir:

Táxi, Eu e Deus

Atualmente no planeta somos em aproximadamente 7 bilhões de pessoas (e contando), em nossos primeiros caminhos, vemos a luz, aprendemos a reconhecer os momentos e cada segundo de sua vida é uma experiência nova, empolgante e intrigante. Lembra quando, pela primeira vez, você sorriu ainda bebê? Pois é, seus pais lembram e em seu cérebro isto marcou tanto que até hoje você consegue sorrir. Seja por qual motivo, vamos deixando para trás essas novas experiencias mas, basicamente, porque estamos vivendo outras novas.

Ao longo da sua vida você entende que há apenas uma maneira de entender o que entra em seus pulmões, por que o céu é azul ou porque você simplesmente tem gases de vez em quando... Pelo conhecimento. Estudos! Receptores em eterno funcionamento existem em sua cabeça loucos para serem saciados de novidades...

Chega um momento da vida que você simplesmente entende o quanto isto aqui já estava errado, vê a verdade logo a frente mas percebe que você é só um SIM em meio a multidão dos NÃO. Isola-se e tenta refletir, acabando exatamente na frase-questão:

Deus existe?

Vincent Moon no Brasil

Conhecido pelo seu trabalho misto de imagem e música, o francês Vincent Moon – cineasta, documentarista e diretor de videoclipes como Supernatural Superserious, do REM – visita São Paulo dentre os dias 15 e 27 novembro deste ano. Durante sua estadia no Brasil, o artista dará workshops exclusivos na Academia Internacional de Cinema e produz a versão brasileira do concerto itinerante Temporary.

Os workshops ministrados por Moon têm temas como o início da vida cinematográfica do artista, a experimentação – típica em seus trabalhos – e a relação entre imagem e som, além da produção dos webisodes, episódios veiculados pela web de uma série feita efetivamente para a internet. Moon é responsável pelo início (e também por boa parte do acervo) da série de vídeos Take Away Show, do site francês La Blogotèque.

Take Away Show são sessões musicais improvisadas, com músicos dos mais diferentes lugares, registradas de forma peculiar e subjetiva. Em quatro anos, o cineasta conseguiu disponibilizar mais de duas centenas de webisodes desta série, com bandas como Arcade Fire, Echo & the Bunnymen e Beirut, além do própria R.E.M.

Promoção Relâmpago - F1 Rocks Eminem | São Paulo | Brasil 2010

O festival F1 Rocks™ with LG in Sao Paulo será realizado pela GEO Eventos no dia 05 de novembro, no Hipódromo do Jockey Club de São Paulo. Essa será primeira edição do evento F1 Rocks™ no Brasil e a terceira no mundo – as duas anteriores foram em Cingapura e Milão. A principal atração será o cantor Eminem, que fará sua primeira apresentação na América Latina. A turnê de “Recovery” terá somente seis apresentações em todo o mundo, sendo três nos EUA e outras três em outros países, incluindo o Brasil.

E o pessoal da LG - junto com meus queridos Mob Mob's (sou fã) - liberaram um par de convites para a promoção

Promoção Paul McCartney | São Paulo | Brasil 2010

Paul McCartney volta ao Brasil, após duas passagens pelo país em 1990 e 1993, como parte de sua turnê "Up and Coming". Desde o lançamento da turnê em março, o ex-Beatle já fez 25 shows na Europa e nos Estados Unidos para cerca de 500 mil pessoas. O repertório do show, com duração de cerca de 3 horas, privilegia hits dos Beatles, além de canções feitas por Paul para The Wings e sua carreira solo.

Para participar e faturar um par de convites para esse mega show, é bem simples, escolha uma das duas maneiras de participar. Vale lembrar que é um par de convites para quem participar no Twitter e outro par de convites para quem participar via Blog. Contabilizando 2 (dois) pares de convites para a promoção total.

Carta Aberta: SWU

Nota: Muitos nomes aqui não foram citados - ou foram trocados - por respeito e proteção de identidade, já que abaixo consta e-mails trocados apenas aos indicados.

Vou tentar ser o mais claro e rápido possivel.

Por que desisti do SWU? Simples, pela falta de organização e informação no projeto InsidersAqui você vai ler algumas reproduções de e-mails e minhas opiniões dispostas no projeto

Abaixo: E-mail - revisado e melhor adaptado - enviado a responsável pelo projeto Insiders (Z) da agência digital contratada, com copia à uma das responsáveis pelo evento SWU na agência detentora do evento, (Y).

Peço desculpas pelo tempo de demora para envio deste e-mail. 

Nos últimos dias eu divulguei em meu twitter o desinteresse em apoio e divulgação do evento SWU. Pois bem, eis o motivo.